Especialização › Saúde Estética Interdisciplinar Avançada
Pós-graduação em Goiânia, GO • Especialização • 9ª Turma

Saúde Estética Interdisciplinar Avançada

Você já curtiu a página oficial do INCURSOS no facebook? Curte aí!

 

Objetivos

Demonstrar a importância clínica que a estética tem nos tratamentos das disfunções estéticas e desenvolver protocolos específicos para o tratamento destas. O profissional irá adquirir todas as habilidades para atuar no mercado de trabalho no segmento da estética facial, corporal e capilar, habilitando-o para reconhecer assertivamente os recursos farmacológicos, cosméticos, eletroterápicos e manuais a serem utilizados nos procedimentos estéticos, além de compreender o mercado e a gestão empreendedora no negócio em estética.

 

Público-alvo

Profissionais biomédicos, farmacêuticos, enfermeiros, médicos e odontólogos que desejam ingressar no mercado da estética.

 

Área(s) de Conhecimento

Unidade(s) com Matrículas Abertas

 

Estrutura do Curso

  • Anatomia e fisiologia da pele
  • Cosmecêuticos e cosmiatria
  • Interpretação de exames laboratoriais aplicado a estética
  • Conduta nas complicações dos procedimentos estéticos
  • Disfunções estéticas e tratamentos
  • Prescrição de cosmecêuticos com ênfase em nutricosméticos e nutraceuticos
  • Biossegurança e primeiros socorros aplicados à estética
  • Fisiologia do envelhecimento cutâneo e terapia antienvelhecimento
  • Microdermabrasão, peelings químicos, combinados e microagulhamento
  • Empreendedorismo I
  • Intradermoterapia, Carboxiterapia, Hidrolipoclasia não aspirativa e PEIM
  • Eletroterapia aplicada à estética
  • Empreendedorismo II
  • Terapias manuais em estética facial
  • Terapias manuais em estética corporal
  • Uso do laser CO2 fracionado, Erbium, NdYag e remoção de tatuagem
  • Metodologia da pesquisa científica
  • Uso da radiofrequência, criolipolise, ultrasson cavitacional focalizado
  • Estética nutricional e metabolismo
  • Toxina botulínica do tipo A
  • Acupuntura estética
  • Preenchimentos dérmicos, subcutâneos e supraperiostal
  • Laserterapia aplicada à estética
  • Epilação com Laser e luz intensa pulsada
  • Atividades complementares
  • Trabalho de conclusão de curso

Curso extra de fios absorvíveis de sustentação

 

Coordenação

» Viviane Cândida de Oliveira › Biomédica graduada pela PUC-GO em 2007. Especialização em Docência do Ensino Superior, Saúde Estética e Cosmetologia e Acupuntura Clínica. Diretora responsável pela Clínica Vitta Corpus Saúde Estética.

 

Corpo Docente

» Ana Cristina Silva Rebelo › Pós-Doutorado pela UFSCar. Doutorado em Fisioterapia pela UFSCar. Mestrado em Fisioterapia UNIMEP. Graduação em Fisioterapia pela UNIUBE.

» Sabrina Fonseca Ingênito Moreira Dantas › Doutorado em Microbiologia pela UFG. Mestrado em Biologia Celular e Molecular pela UFG. Especialização em Saúde Estética pelo INCURSOS.

» Daniel Jesus de Paula › Mestrado em gestão, pesquisa e desenvolvimento em tecnologia pela PUC-GO. Especialização em farmacologia pela UFG. Diretor de produção e farmacêutico efetivo da Indústria Química do Estado de Goiás - IQUEGO.

» Guilherme Alves Ferreira › Mestrado em Ciências Farmacêuticas pela UNESP, desenvolvendo pesquisa sobre a estabilidade química da vitamina C em sistemas contendo agregados supra moleculares (microemulsões e sistemas líquidos cristalinos).

» Marta Isabel Valente Augusto Moraes Nunes Andrade › Mestrado em Nutrição e Saúde pela UFG.

» Ricardo Willam Trajano da Silva › Mestrado em engenharia biomédica, tem o título de laserterapeuta pelo CRO-SP e CFO. Coordena o dep. de odontologia da Sociedade Brasileira de Laser em Medicina e Cirurgia. É Co-autor do Livro "Laser em Biomedicina". experiência em clínica em pós-operatório, estética e terapia capilar por mais de 10 anos.

» Rodrigo César Assis Caixeta › Mestrado (Bolsista REUNI/Capes) em Medicina Tropical com área de concentração em Microbiologia pelo Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública IPTSP-UFG. Bacharelado em Farmácia Generalista pela UFG no ano de 2010.

» Rodrigo Luís Taminato › Mestrado em Farmacologia, Anestesiologia e Terapêutica pela UNICAMP . Especialização em Hematologia Clínica e Onco-Hematologia Molecular e Laboratorial pela Acadêmia de Ciências e Tecnologia da Faculdade de Medicina de Rio Preto/SP.

» Danillo Rodrigues de Sá Godoi › Mestrado em Atenção à Saúde pela PUC/GO PUC GO. Especialização em Farmacoterapia e Interações Medicamentosas na Farmácia Clínica pela UNIP. Especialização em Assuntos Regulatórios com Ênfase em Registro de produtos pela FAT/PR. Especialização em Epidemiologia, Vigilância e Gestão de Serviços de Saúde pela FAT/PR. Auditor de Sistemas de Qualidade na Área Farmacêutica. Gestor de Sistema de Qualidade na Área de Importação de Produtos para Saúde e Distribuição de Medicamentos, Saneantes, Cosméticos e Correlatos. Membro da Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar e Serviços de Saúde.

» Andréia Cristina Gomes › Especialização em Saúde Estética pelo INCURSOS e Auriculoterapeua.

» Diego Leonardo Queiroz Ribeiro › MBA Executivo Nacional, com ênfase em Marketing pela UNIP. Graduação em Gestão Comercial e em Gestão em Vendas pela UniAnhanguera.

» Núbia Aguiar Marinho › Especialização em Unidade de Terapia Intensiva no Centro de Estudos de Enfermagem e Nutrição pela PUC.

» Patrícia Cândida de Matos Lima Martins › Especialização em Fisioterapia Traumato-Ortopédica, Fisioterapia Dermatofuncional e Fisiologia do Exercício.

» Tatiana Miranda de Carvalho Serran › Especialista em acupuntura e em docência universitária. Atualização em MTC, pela WFAS em Beijing.

» Viviane Cândida de Oliveira › Biomédica graduada pela PUC-GO em 2007. Especialização em Docência do Ensino Superior, Saúde Estética e Cosmetologia e Acupuntura Clínica. Diretora responsável pela Clínica Vitta Corpus Saúde Estética.

» Leticia Vargas Mourão › Pós-graduação em Saúde Estética pelo INCURSOS. Graduação em Biomedicina pela UNIFENAS. Tem experiência na área de Anatomia Patológica e Imunohistoquímica e Biomedicina Estética.

 

SAF - Sistema de Avaliação e Frequência

Para obter o Certificado Final do Programa, o participante deve ser aprovado tanto nos trabalhos e/ou provas presenciais realizados em cada módulo do curso quanto no Trabalho de Conclusão de Curso.

Assim sendo, será considerado aprovado o participante que cumprir as seguintes exigências:

  • Aproveitamento de, no mín., 70% do curso, isto é, nota final igual ou superior a 7,0 em cada uma das disciplinas;
  • Frequência mínima de 75% da carga horária total de cada disciplina;
  • Apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso.
 

Pré-requisitos para Inscrição

Através de formulário próprio acompanhado de:

  • Cópia Autenticada do diploma de graduação;
  • Cópia Autenticada do RG;
  • Cópia Autenticada do CPF;
  • Duas fotos 3x4.
 

Duração

24 módulos (1 final de semana por mês)

    Sendo:

  • 11 Módulos de 20h
  • 02 Módulos de 25h
  • 11 Módulos de 30h
  • 600h Disciplinas e práticas;
  • 130h Atividades complementares e trabalho de conclusão de curso;

Carga horária total: 730h

 

Investimento

Para saber o valor do investimento, entre em contato com nossa central de atendimento preenchendo nosso formulário.

 

Diferenciais

Aos Biomédicos


Em 21 de fevereiro de 2011 o CFBM por meio da resolução nº200, atribuiu ao profissional Biomédico o exercício da Saúde Estética. A matriz curricular do curso de Biomedicina oferece ao futuro profissional um conhecimento profundo sobre histologia e anatomia da pele e seus anexos, inclusive sobre o metabolismo, ou seja, do funcionamento dermato-fisiológico completo. Estas características dão a este profissional conhecimento necessário para a realização de tratamentos de disfunções estéticas.

Ainda em 2011, o CFBM, no uso de suas atribuições, dispôs os critérios para habilitação em Biomedicina estética:

  • a) Apresentar no conselho o certificado e/ou Diploma com título de especialista em Estética, obtido ou reconhecido pela Associação Brasileira de Biomedicina - ABBM e/ou Certificado de pós-graduação (Lato ou Stricto Sensu), em conformidade com LDB (Lei de Diretrizes e Bases da Educação) e demais determinações e normas estabelecido pelo CAPES - MEC.

  • b) O profissional Biomédico que fez estágio supervisionado de no mínimo quinhentas (500) horas em Estética durante a graduação.

Já em 2012, segundo a resolução n°214 do CFBM, o profissional Biomédico devidamente habilitado em Estética teve regulamentada a relação de substâncias necessárias para a realização de procedimentos estéticos. Dentre as substâncias destacam-se toxina botulínica, substâncias utilizadas na intradermoterapia e preenchimentos dérmicos, subcutâneos e supraperiostal, fitoterápicos e nutrientes.

Finalmente, em maio de 2014, o CFBM através da resolução n° 241, regulamentou a prescrição de substâncias e medicamentos para fins estéticos, incluindo injetáveis.

___________________________________________________________________________________________________________________________________


Aos Enfermeiros


RESOLUÇÃO COFEN Nº 0529/2016

Normatiza a atuação do Enfermeiro na área de Estética.

RESOLUÇÃO COFEN Nº 0529/2016 - Parte 1
RESOLUÇÃO COFEN Nº 0529/2016 - Parte 2
RESOLUÇÃO COFEN Nº 0529/2016 - Anexo

O Conselho Federal de Enfermagem – Cofen, no uso das atribuições que lhe são conferidas pela Lei nº 5.905, de 12 julho de 1973, e pelo Regimento da Autarquia, aprovado pela Resolução Cofen nº 421, de 15 de fevereiro de 2012, e

CONSIDERANDO a prerrogativa estabelecida ao Cofen no art. 8º, IV, da Lei nº 5.905/73, de baixar provimentos e expedir instruções, para uniformidade de procedimento e bom funcionamento dos Conselhos Regionais;

CONSIDERANDO o disposto no art. 22, X, do Regimento Interno do Cofen, aprovado pela Resolução Cofen nº 421/2012, que autoriza o Conselho Federal de Enfermagem baixar Resoluções, Decisões e demais instrumentos legais no âmbito da Autarquia;

CONSIDERANDO a Lei nº 7.498, de 25 de junho de 1986, e o Decreto nº 94.406, de 08 de junho de 1987, que regulamentam o exercício da Enfermagem no país;

CONSIDERANDO o Código de Ética dos Profissionais de Enfermagem, aprovado pela Resolução Cofen nº 311, de 8 de fevereiro de 2007;

CONSIDERANDO a Resolução Cofen nº 159, de 19 de abril de 1993, que dispõe sobre a Consulta de Enfermagem;

CONSIDERANDO a Resolução Cofen 358, de 15 de outubro de 2009, que dispõe sobre a Sistematização da Assistência de Enfermagem e a implementação do Processo de Enfermagem em ambientes, públicos ou privados, em que ocorre o cuidado profissional de Enfermagem, e dá outras providências;

CONSIDERANDO a Resolução Cofen nº 389, de 20 de outubro de 2011, que atualiza, no âmbito do Sistema Cofen/Conselhos Regionais de Enfermagem, os procedimentos para registro de título de pós-graduação lato e stricto sensu concedido a enfermeiros e lista as especialidades;

CONSIDERANDO a Resolução Cofen nº 429, de 30 de maio de 2012, que dispõe sobre o registro das ações profissionais no prontuário do paciente, e em outros documentos próprios da enfermagem, independente do meio de suporte – tradicional ou eletrônico;

CONSIDERANDO o resultado da Oficina em Enfermagem Estética, interfaces profissionais realizada em 30 de março de 2016;

CONSIDERANDO as demandas oriundas da consulta pública realizada no sitio de internet do Cofen (www.cofen.gov.br);

CONSIDERANDO o parecer de Conselheiro n.º 274/2016;

CONSIDERANDO, por fim, a deliberação do Plenário do Cofen em sua 482ª Reunião Ordinária e tudo o que consta no PAD Cofen nº 108/2016,

RESOLVE:

Art. 1º Aprovar a normatização da atuação do Enfermeiro na área de Estética, constante no anexo desta Resolução (disponível para consulta no endereço eletrônico www.cofen.gov.br);

Art. 2º Os procedimentos previstos nesta norma devem obedecer ao disposto na Resolução Cofen nº 358, de 15 de outubro de 2009 e na Resolução Cofen nº 429, de 30 de maio de 2012.

Art. 3º Na Enfermagem, compete privativamente ao Enfermeiro especialista em Estética realizar os procedimentos de maior complexidade técnica.

Art. 4º O Enfermeiro deverá ter pós-graduação lato sensu em estética, de acordo com a legislação estabelecida pelo MEC, e que no mínimo tenha 100 horas de aulas práticas.

Art. 5º O Enfermeiro especialista na área de Estética deverá adquirir competência técnica cientifica e habilidades para realizar procedimentos estéticos, em cursos de extensão, qualificação e aprimoramento.

Art. 6º Cabe aos Conselhos Regionais de Enfermagem adotar as medidas necessárias para fazer cumprir esta Resolução, visando a segurança e bem-estar dos usuários submetidos aos procedimentos de Estética.

Art. 7º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação no Diário Oficial da União, revogando-se as disposições em contrário.



Brasília, 09 de Novembro de 2016.


MANOEL CARLOS N. DA SILVA

COREN-RO Nº 63592

Presidente


MARIA R. F. B. SAMPAIO

COREN-PI Nº 19084

Primeira-Secretária


___________________________________________________________________________________________________________________________________


Aos Farmacêuticos


Em 22 de maio de 2013, o CFF por meio da resolução 197, atribuiu ao profissional farmacêutico o exercício da Saúde Estética, visto que os farmacêuticos atuam e desenvolvem de maneira interdisciplinar e participativa em ações e serviços de saúde, até mesmo as que tratam das disfunções metabólicas, dermatológicas e fisiológicas e que são soluções alternativas aos interesses da população. Esta resolução regulamenta que o farmacêutico poderá ser o responsável técnico por estabelecimentos nos quais se utilizam técnicas de natureza estética e recursos terapêuticos para fins estéticos. As técnicas regulamentadas a este profissional são:

  • I – Avaliação, definição dos procedimentos e estratégias, acompanhamento e evolução estética;
  • II – Cosmetoterapia;
  • III – Eletroterapia;
  • IV – Iontoforese;
  • V – Laserterapia;
  • VI – Luz intensa pulsada;
  • VII – Peelings químicos e mecânicos;
  • VIII – Radiofrequência estética;
  • IX – Sonoforese (ultrassom estético).